Novidades

FÁTIMA: uma experiência de consagração a Nossa Senhora

São inúmeros os títulos atribuídos a Virgem Maria, no entanto o de Nossa Senhora do Rosário de Fátima está entre os que mais tocam no profundo da nossa alma.

Peregrinar a Fátima é viajar em busca de uma experiência de Fé, sabendo que vamos ao encontro do colo de  Maria, nossa Mãe! É um pedacinho do Céu na Terra”, como os próprios visitantes relatam com tanta emoção…“em Fátima esqueço as coisas do mundo”, “é  um lugar muito abençoado”, “com Nossa Senhora de Fátima sinto o mais puro amor”, “trago a  presença da Virgem do Rosário segurando minhas mãos”, “um Santuário que traz muita paz”, “quero voltar”…. sim, quem vai uma vez quer sempre voltar! É cativante como Nossa Senhora transmite essa intimidade e aconchego, há sempre paz com Maria.

Organizar, preparar e acompanhar as viagens de nossos grupos para um destino tão sagrado, é convidar cada participante para conhecer mais intensamente a Mensagem de Fátima. Durante a viagem, é possível presenciar a emoção que as visitas aos  lugares santos provocam, sobretudo  através das orações, cânticos e celebrações nas quais participamos e que nos aproximam tanto de Maria.

Visitando a pequena aldeia de Aljustrel localizada a 2 km de Fátima, onde viviam os pastorinhos,  recuamos no tempo e entendemos porque Nossa Senhora se aproximou deles: tanta simplicidade, uma pureza enorme no coração daquelas crianças e uma entrega incondicional a Deus! Percorremos a pé a via sacra, o mesmo caminho que as pequenas crianças faziam com o rebanho de ovelhas por entre os campos de oliveiras e azinheiras até chegar a Cova da Iria, local das aparições onde foi construído o Santuário. Pelo trajeto a imaginação dos acontecimentos é estimulada e  gravamos na memória o aroma daquele lugar, o som dos pássaros, o toque da brisa da serra, a sombra das árvores, a paz!

Chegando no Santuário, atravessamos a grande esplanada  coroada no alto da escadaria pela Basílica do Rosário e no outro extremo pela Basílica da Santíssima Trindade, de construção mais recente e de grandes dimensões consegue abrigar até 8.633  peregrinos sentados, guardando-os do frio e da chuva,  como a Mãe protegendo os filhos. Seguimos para a Capelinha das Aparições, ponto alto da visita pois foi ali que Nossa Senhora apareceu aos pastorinhos em 1917 . Participamos da Santa Missa celebrada em diversas línguas, assim percebemos o quanto nossa fé é universal, compreendemos que estamos intimamente ligados uns aos outros pela nossa devoção e amor por Maria. Rezamos a oração do Terço,  ouvimos o badalar dos sinos da Basílica do Rosário e a emoção se faz presente de forma tão intensa, que a vontade é de ficar em constante contemplação! Finalizamos o dia participando na procissão das velas, quando a imagem de Nossa Senhora iluminada surge com todo seu esplendor em cima de um andor de flores naturais, como fazendo um convite  a cada peregrino: “ Vem, Eu te conduzirei a Jesus”.

Essa relação íntima com Nossa Senhora de Fátima permanece viva no coração de cada visitante e se intensifica mesmo após a viagem. São lembranças do amor e carinho da Virgem Maria que trazemos, memórias que nos sustentam, que nos enchem o coração de entusiasmo e alegria.

“Uma prece final, ao deixar-Vos Mãe de Deus

Viva sempre em minh’alma este grito imortal:

Ó Fátima, adeus! Virgem Mãe, adeus!”

Enquanto o momento atual não nos permite peregrinar, abrimos a bagagem das experiências vividas, recordamos a mensagem de Fátima  unidos na oração do Rosário e assim a  nossa esperança renasce.

Nossa Senhora do Rosário de Fátima, nossa Mãe, rogai por nós!